Volta Trucks anuncia primeiros testes do caminhão elétrico Zero

A startup sueca Volta Trucks anunciou que vai conduzir os primeiros testes para avaliação do protótipo Volta Zero. Anunciado no fim do ano passado, o Volta Zero é o primeiro caminhão 100% elétrico do mundo a ser projetado especialmente para logística urbana. O veículo pesa 16 toneladas e possui autonomia para rodar de 150 a 200 quilômetros entre recargas.

Os testes para o primeiro protótipo do Volta Zero, anunciado em junho deste ano, serão realizados no parque tecnológico da Horiba Mira, em Nuneaton, norte da Inglaterra. O protótipo já terá o chassi e a unidade de potência que serão utilizados no modelo de produção. Além disso, serão testados a bateria de alta tensão e o conjunto com motor elétrico, transmissão e eixo traseiro.

“Trabalhamos em ritmo acelerado para garantir que possamos levar ao mercado veículos comerciais 100% elétricos com emissão zero, pois nossos clientes exigem veículos assim o mais rápido possível”, disse Ian Collins, diretor de produtos da Zero Trucks. “Ter alcançado este momento marcante em apenas oito meses [desde o lançamento do Zero] é um grande exemplo do nosso trabalho ágil e flexível.”

Chamado de “Volta Minus One” pelos engenheiros de desenvolvimento — por ser o percursor do Zero —, o protótipo terá uma carroceria para proteger o piloto de testes de detritos na pista, principalmente quando o veículo estiver em alta velocidade.

Outra diferença é que, em vez da carga traseira, o modelo de testes terá uma plataforma para os engenheiros posicionarem cargas de diversos tamanhos para testar a capacidade do caminhão. Vale lembrar, aliás, que o visual do caminhão elétrico, como você pode ter visto pelo vídeo, remete mais ao de um ônibus de frota do que um veículo pesado.

Revelado em junho, protótipo do Volta Zero será testado no parque da Horiba Mira, na Inglaterra (Volta Trucks/Divulgação)

Próximos passos

Na segunda fase de testes, a Volta Trucks levará o protótipo e as especificações derivadas para lugares como o Círculo Polar Ártico e o sul da Europa. De acordo com a empresa sueca, a ideia é que os modelos de produção sejam testados em condições adversas para oferecer “a durabilidade e a confiabilidade esperadas por operadores de frotas e proprietários de veículos”. A partir daí, empresas que se inscreveram para testar e adquirir os caminhões poderão avaliar o modelo.

A Volta projeta que, com o ingresso do caminhão elétrico Zero no mercado, cerca de 1,2 milhão de toneladas de CO2 sejam expelidos do ambiente até 2025. A produção em grande escala está prevista para ter início no fim de 2022.


Revelado em junho, protótipo do Volta Zero será testado no parque da Horiba Mira, na Inglaterra (Volta Trucks/Divulgação)
 

Fonte: Olhar digital